30 de ago de 2008

Game Show

Apropriado para alunos de nível intermediário, costuma divertir os alunos e é muito bom para fixar o vocabulário aprendido.

Preparação:

  • Prepare em torno de 40 / 50 perguntas a respeito do assunto ou assuntos que quer trabalhar, as mais fáceis valendo 10 dólares, depois 20, 30, 50 e 100 dólares para as mais difíceis. Claro que esses valores são fictícios, é apenas uma brincadeira.
  • Imprima as perguntas com seus respectivos valores em folhas e depois pregue em cartolina ou imprima em cartolina previamente cortada em formato A4. Fiz o meu em sentido paisagem, dividi em 3 colunas e coloquei 3 perguntas em cada, no total 45 perguntas para 9 alunos.
  • Com pedaços menores de cartolina faça as "cédulas" correspondentes aos valores que atribuiu às perguntas. No meu caso foram 12 de 10 dólares, 12 de 20, e assim por diante.
  • Prepare pedacinhos de papel numerado conforme o número de alunos para o sorteio da ordem em que responderão.
As regras:

  • Cada rodada de 5 perguntas terá 3 participantes.
  • Quem souber responde, acertando ganha o valor correspondente à pergunta. Se errar perde igual valor.
  • Se ninguém responder os 3 perdem 10 dólares.
  • Quem tiver mais dinheiro ao final da rodada, permanece para a próxima. Os outros 2 perdem o que ganharam e dão lugar aos próximos dois.
  • Quem sair vencedor na última rodada será o campeão.
Execução:

  • Embaralhe os papéis numerados e entregue-os aos alunos. Essa será a ordem em que entrarão no jogo, os demais permanecem assistindo e torcendo. Deverão bater palmas quando o colega acertar, mas não podem ajudar ou se manifestar.
  • Chame os 3 primeiros alunos e faça as 5 perguntas da primeira rodada. Quem souber responde, se acertar entregue o cartãozinho correspondente ao que ele ganhou.
  • Ao final da rodada o ganhador permanece mas a quantia que ganhou permanece de lado, só contará o que ganhar em cada rodada.
  • Os perdedores vão saindo até que na última rodada restará o ganhador do jogo.
  • É sempre bom marcar o "score" na lousa porque alguns alunos ficam com um valor negativo (pode acontecer)
Os alunos com certeza vão se divertir e aprender tudo o que você perguntar no jogo.

(zailda coirano)

Gostou do blog? - DIVULGUE
Tem algo a dizer? - COMENTE
Quer falar comigo? - CONTATO

27 de ago de 2008

I've gone to the supermarket...

Boa para turmas de nível intermediário (porque usa o Present Perfect - e é bom deixar claro antes de começar que vamos usá-lo porque não se vai dizer QUANDO fomos), é ideal para quando você tem apenas alguns minutos no final da aula e deseja praticar vocabulário, memória ou a pronúncia dos alunos.
Coloque os alunos em círculo e escolha um para começar. Ele deve dizer:
- I've gone to the supermarket and I've gotten a / an...
O segundo deve dizer:
- I've gone to the supermarket and I've gotten a / an (o que o primeiro aluno comprou) and a / an... (acrescenta um outro artigo encontrado em supermercados).
À medida em que o jogo vai caminhando vai ficando mais difícil para os alunos lembraram o que os outros compraram e também o vocabulário vai-se esgotando, de forma que eles têm que exercitar a memória ao máximo e você pode ter agradáveis surpresas.
Quem erra, esquece o que o outro falou ou demora muito para falar vai saindo até ficarem poucos, porque o aluno tem que repetir tudo o que foi "comprado" desde o primeiro, mesmo os que já saíram.
Damos muitas risadas todas as vezes em que fazemos essa brincadeira, e eles sempre pedem bis.
(zailda coirano)

Gostou do blog? - DIVULGUE
Tem algo a dizer? - COMENTE
Quer falar comigo? - CONTATO

23 de ago de 2008

Jogo da Memória

Essa dinâmica é boa para classes que estão iniciando o ano ou o semestre, onde nem todos se conhecem ou sabem direito os nomes uns dos outros. Ideal também para classes iniciantes de inglês, logo depois de ensinar os pronomes (singular) e o verbo "to be".

Preparação:

Corto pedaços de cartolina de mais ou menos 10 X 10 cm e colo figuras ou desenhos de alguns objetos que os alunos já conheçam em inglês. Se o seu objetivo não é treinar os pronomes mas só criar um ambiente mais agradável em algum grupo, as figuras também servem, mesmo que eles as usem em português.

O jogo:

Distribuo os quadrados aos alunos virados para baixo até que eu explique o jogo. Quando todos já estão com seus quadrados virados para baixo eu peço que virem para olhar o que pegaram mas sem que o companheiro do lado o veja.

Eu também tenho o meu quadrado, e se peguei por exemplo a figura de uma casa, mostro o quadrado aos alunos e digo:

- I'm Zailda, and I'm a house.

O próximo aluno (que escolho de forma aleatória para complicar) deve apontar para mim, mostrar o quadrado que pegou e dizer:

- You're Zailda, you're a house. I'm ......... and I'm a dog (a figura que pegou).

O próximo aluno deve apontar para mim e dizer:

- You're Zailda, you're a house. (Aí aponta para o aluno que falou depois de mim e diz:) He (or she) is ...... and he (or she) is a dog. I'm .......... and I'm an eraser.

E assim segue a brincadeira, cada aluno tem que reproduzir tudo o que eu e os outros que vieram antes dele dissemos, na mesma ordem em que falamos, mudando os pronomes, e vai ficando mais difícil à medida que os alunos vão falando seus nomes e o objeto, e os próximos vão sendo obrigados a guardar os nomes dos outros, o nome dos objetos que mostram, bem como usar os pronomes e o verbo "to be" (I am, you are, he is, she is). O último aluno tem que apontar um por um e dizer nome e objeto que representa.

Esse jogo ajuda não só para que aprendam a usar os pronomes de forma correta (por isso é tão importante que apontem para os outros e para mim, quando vão falar) e também para fixar vocabulário, porque os alunos só podem ajudar quem está falando mostrando o quadrado com o objeto, não podem falar nada.

(zailda coirano)



Gostou do blog? - DIVULGUE
Tem algo a dizer? - COMENTE
Quer falar comigo? - CONTATO

22 de ago de 2008

Spelling Game

Não gosto de ensinar o alfabeto em inglês com a clássica canção "The Alphabet Song" porque já percebi que o aluno que aprende assim precisa cantar toda a musiquinha até chegar na letra que precisa. Ou seja, pura decorebas. Acho interessante ensinar a música DEPOIS que eles já estão dominando o alfabeto, assim já sentem-se entusiasmados por já saber o nome das letras e cantar a música.
Prefiro mesmo ensinar letra por letra, em grupos de 4 ou 5 de cada vez, e vou seguindo até que tenham aprendido todas. As que a classe tem maior dificuldade vão ficando até que elimine todas.
Quando já estão craques, é hora do joguinho para fixar.
Imprimo 25 palavras com letra bem grande e depois as colo em pedaços de cartolina (um pouco maior que uma folha de A4 cortada em 5 tiras (com o papel na vertical, cortando na horizontal). Procuro colocar palavras que já conheçam, mas que sejam longas e no conjunto que contenham todas as letras do alfabeto.
Segue uma sugestão a seguir (foi o que usei da última vez):

BACKPACK
HOT DOG
SANDWICH
PICNIC
BIG STADIUM
CHEESEBURGER
MRS. STRICKLAND
THE ROBINSONS
CAR SALESMAN
NEW TEACHER
OLD ERASER
SALLY SIMONS
LEROY BROWN
BREAKFAST
APPLE PIE
SCHOOL TIME
NEIGHBOR
SPELLING GAME
BLACKBOARD
BRAZILIAN DOG
TALL STUDENT
ORANGE JUICE
RED PENCIL
DOUGHNUT
PHONE NUMBER

Vou pedindo aos alunos, cada um de uma vez, que soletrem as palavras, e à medida que vão acertando vou tirando-as de lado, as que não acertam coloco novamente no final para serem soletradas por outro aluno.
Quando conseguiram soletrar corretamente todas as palavras, passo para a segunda parte do jogo, que para eles é a mais divertida: coloco um aluno na frente da sala, de costas para a classe, e peço a um aluno que soletre uma das palavras. Se o aluno que está na frente da sala conseguir dizer a palavra que ele está soletrando, os dois ganham um ponto, se não conseguir, substituo primeiro quem soletrou e depois quem está na frente da sala, até que uma dupla consiga.
Essa brincadeira pode tomar bastante tempo, dependendo do número de alunos, portanto pode ser dividida, num dia você mostra as palavras, pede a eles que estudem em casa e em outro dia faz a segunda parte do jogo.
Costumo premiar os ganhadores e não é necessário que seja algo caro, pode ser um bombom, algumas balas, alguns adesivos, etc. O que os deixará contentes na verdade será vencer o jogo e ganhar o prêmio.
Costumo ensinar a música só depois de fazer o jogo com a classe e o resultado tem sido muito bom, normalmente todos da classe aprendem com facilidade dessa maneira.

(zailda coirano)


Gostou do blog? - DIVULGUE
Tem algo a dizer? - COMENTE
Quer falar comigo? - CONTATO

20 de ago de 2008

Palavras Cruzadas - crosswords

Muitos alunos gostam de palavras cruzadas e é um bom recurso para ajudá-los a fixar vocabulário. Abaixo estou deixando o link de um site onde você pode encontrar um programa muito útil e fácil de usar. Depois de fazer o download e instalar no seu computador, siga os passos:

  1. Crie um banco de palavras - você vai digitar as palavras novas que quer trabalhar com seus alunos e logo abaixo suas definições
  2. Defina o quantos quadradinhos quer nas duas direções (todas as palavras que você colocou no banco serão usadas)
  3. Imprima o resultado. Eu costumo imprimir um por um: primeiro a palavra cruzada com respostas, depois em branco para tirar cópias e entregar aos alunos e depois as "clues", porque assim sai cada coisa em uma página e fica mais fácil para os alunos consultarem à medida que vão resolvendo.
O programa é grátis e seus alunos logo irão pedir mais!

19 de ago de 2008

Blog Educativo

Neste blog vou postar jogos e dinâmicas que têm como objetivo tornar a aula mais interessante, fazer com que os alunos participem do grupo e também assimilem conteúdos ensinados de forma agradável e descontraída. O professor sempre deve ter alguns jogos e dinâmicas para usar quando houver tempo ou oportunidade, como o mágico que quando menos se espera tira o coelho da cartola.

18 de ago de 2008

Quem sou eu


Sou casada e tenho 4 filhos adultos e 1 filho adolescente. Sou professora de inglês e espanhol desde 1998. Gosto de ler, escrever, ver filmes, ouvir música. Adoro internet e a uso não só como diversão mas também a trabalho, aproximando-me de meus alunos e colegas, compartilhando material. Também uso a internet para pesquisas em diversas áreas e para ficar sempre em dia com novidades que possa usar em minha profissão.

Nas (poucas) horas vagas desenho blogs e escrevo. Escrevo crônicas, artigos, revisões, trabalhos de escola, poesia. Quero aprender a desenhar também.

Além do inglês e espanhol também falo alemão, italiano, francês e japonês. Adoro idiomas e gramática de modo geral, pretendo aprender mais alguns enquanto estiver aqui no andar de baixo.

Tive educação católica e creio em Deus, mas não sigo nenhuma religião, portanto sou agnóstica. Sou corintiana e petista e moro em Diadema - berço do PT.

Estou em diversos sites e grupos, tenho redes e comunidades na internet. Abaixo segue a lista de meus blogs, talvez lhe interessem:

Coelho da Cartola (dinâmicas e jogos em sala de aula)

Diadema (sobre minha cidade)

Corintiana até a morte (é o que eu sou, como milhões de brasileiros)

Mulher que trabalha (dura a vida com três turnos diários, melhor compartilhar)

TV e Seriados (adoro...)

Zaildianas (minhas teorias e filosofia básica para o dia-a-dia, que dizem que só funcionam comigo, mas não custa tentar)

MPB (meu gênero musical favorito)

Amando Muito (também tenho um lado romântico, por quê não?)

Layouts e Dicas (um projeto que ainda vou levar adiante)

Labirinto (um pouco de tudo)

Qualquer problema ou sugestão, entre em contato por email.

Zailda


assinatura

Gostou do blog? Recomende e volte sempre!
Contato

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...